Google+

Verifique a Introdução

Visitem Shopping: Compra segura! direto com as melhores lojas do Brasil.

VEJAM ALERTA NO FINAL DA PÁGINA À ESQUERDA ---> Estamos com mais de 160 tópicos, consulte-os!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Quadrilha ‘esquenta’ cheque no microondas [ ?? ]

Golpistas que atuam no Sul do País descobrem jeito de falsificar cheques preenchidos por máquinas eletrônicas no comércio

FLORIANÓPOLIS - A polícia de Santa Catarina descobriu um novo golpe na praça contra cheques. Uma quadrilha que atua naquele estado descobriu uma forma de adulterar os valores dos cheques que são preenchidos nas máquinas eletrônicas do comércio. Pelo golpe, os cheques têm os valores impressos adulterados mecanicamente e são apagados depois de colocados em fornos microondas.

Com o mecanismo, a assinatura do cliente a caneta fica intacta e os golpistas preenchem o cheque com novos valores. “O preenchimento (na máquina) é feito com toner, que é um pó. Este pó é desintegrado dentro do microondas”, diz o perito em falsificações Arnaldo Ferreira.

De acordo com investigações policiais, nos últimos dois meses, uma mesma agência bancária de Florianópolis recebeu 11 cheques adulterados da mesma forma. Segundo o perito, um cheque de R$ 27 emitido em um circo na capital foi compensado dois meses depois, em Feira de Santana, na Bahia, por R$ 4.200.

O perito recomenda, como precaução, usar sempre a caneta para o preenchimento dos cheques.

Fonte: O Dia OnLine
http://odia.terra.com.br/brasilhtm/quadrilha_esquenta_cheque_no_microondas_193042.asp

11 comentários:

  1. É um fato relatado pelo portal TERRA, no jornal da internet, em 16/08/2008.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Procurei no mercado e não encontrei impressora de cheque que trabalhe com toner.
      Encontrei a de ribbon, que trabalha com transferência térmica.

      Excluir
  2. Qual sua fonte para confirmar isso como fato?

    ResponderExcluir
  3. O Portal Terra como relatado anteriormente.

    ResponderExcluir
  4. E alguém já fez o teste para saber se isto realmente acontece com o cheque??

    ResponderExcluir
  5. Por via das dúvidas, eu coloquei folhas impressas em impressoras a laser, que também utilizam toner para a impressão, em um forno de micro-ondas, a alta potência e tempo longo, e não observei nenhuma deterioração do texto. Por isso, considero a "notícia" um mito.

    ResponderExcluir
  6. O toner trabalha por transferência térmica, a forma mais provável é, esquentar um plástico colocar sobre a folha de cheque e comprimir.

    Se você deixar uma foto copia em contato com o plástico, por tempo prolongado, mesmo sem o aquecimento, o toner se transfere.

    ResponderExcluir
  7. O problema é que essa conversa mole de cheque no microondas parte de uma premissa errada: as impressoras de cheque não usam toner. São jato de tinta ou a boa e velha matricial (em gigantesca maioria).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As impressões por jato de tinta ou matricial não há como alterar, mas no caso da impressão por Ribbon, é fita de cera com transferência térmica.

      Excluir
    2. Já vi alteração feita em cheque datilografado na antiga IBM elétrica, que é transferência de tinta plastica por pressão. Acredito que uma leve adaptação no sistema utilizado vai fazer o mesmo efeito no ribbon.

      Excluir
  8. Testei em uma etiqueta, um sistema diferente do relatado, é possível apagar a impressão!

    ResponderExcluir

Os comentários serão moderados e depois postados !